Alagoas, 16 de setembro de 2021 23º min 28º máx
WhatsApp (82) 9.9982-0322
PANDEMIA

Criança de nove anos morre vítima da covid-19 no HGE

Bruno Fernandes

25/07/2021 18h06

Menina de nove anos morreu no HGE
SesauMenina de nove anos morreu no HGE

O Boletim Epidemiológico da Secretaria de Estado da Saúde (Sesau), deste domingo, 25, confirmou mais 479 novos casos e outras nove mortes causadas pela covid-19 nas últimas 24 horas, em Alagoas. Entre os óbitos registrados está o de uma criança de nove anos, que faleceu no Hospital Geral do Estado (HGE), em Maceió;

Dessa forma, o estado tem um total de 228.379 casos confirmados do novo coronavírus até o momento, dos quais1.569 estão em isolamento domiciliar. Com isso, Alagoas tem 5.733 óbitos por covid-19.

Outros 220.675 pacientes já finalizaram o período de isolamento, não apresentam mais sintomas e, portanto, estão recuperados da doença. Há 7.955 casos em investigação epidemiológica. Foram registradas nove mortes em território alagoano.

Os casos confirmados de pessoas com a Covid-19 estão distribuídos nos 102 municípios alagoanos. Em relação ao quadro total de óbitos em Alagoas, estão confirmados 5.733 óbitos por Covid-19, mas, oito deles, eram de pessoas residentes em outros estados.

Dos 5.725óbitos de pessoas residentes em Alagoas, 3.179 eram do sexo masculino e 2.546 do sexo feminino. Eram 2.493 pessoas que residiam em Maceió e as outras 3.232 moravam no interior do Estado, segundo o Centro de Informações Estratégicas de Vigilância em Saúde (Cievs), da Sesau.

Das nove mortes confirmadas laboratorialmente por causa do novo coronavírus, seis eram vítimas da capital alagoana e três do interior do Estado. As vítimas de Maceió eram quatro homens de 44, 50, 73 e 85 anos, além de duas mulheres, sendo uma criança de 9 anos e uma adulta de 45 anos.

Comentários
Curta o EXTRA no Facebook
Confira o nosso canal no YouTube
Siga-nos no Twitter
Siga-nos no Instagram Seguir </html>
Notamos que você possui
um ad-blocker ativo!

Produzir um conteúdo de qualidade exige recursos.

A publicidade é uma fonte importante de financiamento do nosso conteúdo.

Para continuar navegando, por favor desabilite seu bloqueador de anúncios.

publicidade