Alagoas, 15 de agosto de 2022 23º min 27º máx
WhatsApp (82) 9.9982-0322
OPORTUNIDADE

Sine Maceió abriu mais de 1.500 vagas de trabalho no primeiro semestre

Com Assessoria

06/08/2022 09h09

Sine Maceió
Juliete Santos/Secom MaceióSine Maceió

Mais emprego e geração de renda para a população da capital de Alagoas. Com o trabalho voltado para os maceioenses, foram abertas 1.548 vagas de emprego junto ao serviço municipal do Sine neste primeiro semestre de 2022.

No período, mais de 2.700 trabalhadores foram encaminhados para participar de processos de seleção de emprego com empresas parceiras da Prefeitura e tiveram a oportunidade de mudar suas vidas.

Gabriel Augusto, 25 anos, não perdeu tempo e cadastrou o currículo no posto de atendimento. Foi assim que ele conseguiu um emprego, após dois anos fora do mercado de trabalho. Em 2019, ele finalizou a faculdade e tentou oportunidades de emprego. Com a pandemia, tudo ficou mais difícil.

“Fiquei muito triste e desmotivado porque não conseguia nada em qualquer área. Todo lugar que eu ia fazer entrevista era muita gente batalhando por uma vaga de emprego. Fiz o cadastro no Sine e quando me ligaram fiquei feliz. Chegando lá, fui super bem atendido. Conheci a subgerente do Grupo Mateus, fiz a entrevista e estou aqui hoje”, conta animado.

Essa é a primeira vez que o Gabriel consegue assinar a sua Carteira de Trabalho. Em poucos meses, ele conseguiu sair da função de fiscal e teve uma chance de se tornar assistente administrativo.

“A ligação do Sine mudou a minha vida. Quando soube que consegui a vaga, foi sorriso de canto a canto. Liguei logo para a minha mãe para contar que estava feliz, empolgado. Foi o ânimo que eu precisava e comecei a pensar que devia continuar. Estou esperançoso para conseguir crescer mais ainda na empresa”, acredita.

Comentários
Curta o EXTRA no Facebook
Confira o nosso canal no YouTube
Siga-nos no Twitter
Siga-nos no Instagram Seguir </html>
Notamos que você possui
um ad-blocker ativo!

Produzir um conteúdo de qualidade exige recursos.

A publicidade é uma fonte importante de financiamento do nosso conteúdo.

Para continuar navegando, por favor desabilite seu bloqueador de anúncios.

publicidade