Alagoas, 15 de agosto de 2022 23º min 27º máx
WhatsApp (82) 9.9982-0322
POLÍCIA FEDERAL

Arthur Lira nega relação com esquema de desvios de verbas em Rio Largo

Investigação contra aliado do parlamentar foi revelada pelo EXTRA na semana passada

Bruno Fernandes com Jovem Pan

01/08/2022 13h01

O deputado federal Arthur Lira (PP)
Câmara dos DeputadosO deputado federal Arthur Lira (PP)

O presidente da Câmara dos Deputados, Arthur Lira (PP), negou qualquer tipo de relação com esquema de desvio de recursos públicos na cidade de Rio Largo, em Alagoas, revelado pelo EXTRA na semana passada.

“Parlamentar tem responsabilidade na indicação, não na execução. Não faz licitação, não faz pagamento, fiscalização. Para isso existem órgãos de controle e quem errar, órgãos estarão atentos. Que ilações não sejam propagadas com má fé e ma índole”, afirmou, nesta segunda-feira, 1º, em entrevista à Jovem Pan.

A manifestação do presidente da Câmara acontece em meio às investigações da Polícia Federal que ganhou notoriedade nacional após matéria publicada pelo EXTRA de um esquema de desvios de recursos federais, tendo como fonte de recursos fundos federais.

O inquérito aponta que a Prefeitura Municipal recebia verbas federais de áreas como saúde, educação e assistência social, destinando os valores a pagamentos para duas empresas laranjas – Litoral Construções e Serviços Ltda e Reauto Serviços e Comércio de Peças -, e os recursos voltavam para o prefeito da cidade, Gilberto Gonçalves, aliado de Arthur Lira.

O desvio das verbas acontecia por meio de saques que eram feitos por funcionários das empresas em uma agência da Caixa Econômica Federal. Os valores eram entregues em caixas para funcionários e seguranças de Gilberto, sendo repassados ao prefeito como pagamentos de propina.

Comentários
Curta o EXTRA no Facebook
Confira o nosso canal no YouTube
Siga-nos no Twitter
Siga-nos no Instagram Seguir </html>
Notamos que você possui
um ad-blocker ativo!

Produzir um conteúdo de qualidade exige recursos.

A publicidade é uma fonte importante de financiamento do nosso conteúdo.

Para continuar navegando, por favor desabilite seu bloqueador de anúncios.

publicidade