Alagoas, 20 de maio de 2022 23º min 27º máx
WhatsApp (82) 9.9982-0322
Boletim Sefaz

Setores econômicos de Alagoas cresceram 34% em abril

Assessoria

13/05/2022 19h07

Crescimento nominal, em conjunto, foi de 34% no mês de abril, diz Sefaz
AssessoriaCrescimento nominal, em conjunto, foi de 34% no mês de abril, diz Sefaz

Boletim divulgado nesta sexta-feira, 13, pela Secretaria de Estado da Fazenda de Alagoas (Sefaz-AL) revela que as atividades econômicas de atacado, varejo e indústria, obtiveram um crescimento nominal, em conjunto, de 34% no mês de abril, comparado com o mesmo mês no ano anterior. A Sefaz-AL analisou os documentos fiscais e avaliou como estes se comportaram comparativamente.

Atacado

O setor atacadista teve aumento de 25% no seu total, com ênfase positiva nos segmentos representativos de combustíveis (52%), bebidas (36%), alimentos (26%), material de construção e mercadorias em geral (14% cada), que representaram 85% dos valores totais emitidos.

As atividades econômicas que apresentaram resultados negativos foram os produtos químicos (-6%) e atacadistas diversificados (-11%), representando 13% do total de emissões do período. Os demais segmentos apresentaram variações pouco significativas.

Varejo

O Varejo apresentou crescimento de 26% no seu total, tendo destaque nos valores mais significativos de emissões o comércio varejista de cosméticos (99%), combustíveis (40%), alimentos (38%), supermercados e hipermercados (26%), comércio de veículos (13%) e medicamentos (6%), que representam 73% do total de emissões do período.

Observou-se que algumas atividades que apresentaram resultados negativos foram materiais de construção (-29%), tecidos (-4%) e bebidas (-1%), representando 5% do total de emissões neste mês.

Indústria

O segmento industrial teve crescimento de 51% no total, tendo se destacado positivamente entre os valores mais significativos a extração mineral (1702%), fabricação de alimentos (182%), petróleo e gás (81%), fabricação de produtos químicos (54%), fabricação bebidas (47%) e fabricação de açúcar (73%), representando um total de 66% dos valores de emissões no período. As atividades que tiveram resultados negativos foram fabricação de cimento (-17%), cloro e álcalis (-14%), moagem de alimentos (-9%), resinas (-8%) e fabricação diversificada (-7%), representando 23% do total de emissões no período.

Bares e Restaurantes

Verificou-se um crescimento nominal de 144% na atividade de bares e restaurantes devido à retomada do turismo e dos encontros sociais em Alagoas, em comparação com o mês de abril/2022 e abril/2021. A tendência é que neste ano esta atividade econômica volte à normalidade total em suas operações.


--

Comentários
Curta o EXTRA no Facebook
Confira o nosso canal no YouTube
Siga-nos no Twitter
Siga-nos no Instagram Seguir </html>
Notamos que você possui
um ad-blocker ativo!

Produzir um conteúdo de qualidade exige recursos.

A publicidade é uma fonte importante de financiamento do nosso conteúdo.

Para continuar navegando, por favor desabilite seu bloqueador de anúncios.

publicidade