Alagoas, 16 de outubro de 2021 25º min 29º máx
WhatsApp (82) 9.9982-0322
AFUNDAMENTO DE BAIRROS

Defesa Civil divulga programação da Semana de Prevenção de Desastres

Assessoria

13/10/2021 08h08

Defesa Civil em Maceió
Ascom/Defesa Civil de MaceióDefesa Civil em Maceió

A Semana de Prevenção e Apoio à Redução de Desastres (Separd), com programação agendada para os dias 13 e 14 de outubro, em Maceió, promete ser de relevantes discussões acerca da atuação da Coordenadoria Municipal de Proteção e Defesa Civil. Tudo vai acontecer entre as 9h e 12h, em dois ambientes do Instituto Federal de Alagoas (Ifal), no Centro de Maceió: auditório Oscar Sátyro (principal) e Jorge Batista, no Bloco de Mecânica.

O afundamento dos bairros é um dos temas que devem dominar o debate nas palestras e mesas redondas previstas no evento, voltado para profissionais que lidam com Defesa Civil e abordagens correlacionadas.

Logo na abertura, será feita a apresentação da diretoria da Defesa Civil de Maceió, pelo professor mestre Abelardo Nobre, que atua como coordenador-geral do órgão. Em outros momentos da manhã, estão previstas uma mesa redonda para discutir sobre os sistemas nacional, estadual e municipal de Defesa Civil, capitaneada por representantes do meio, e uma palestra sobre a criação do relatório de ilhamento socioeconômico.

A ministração da diretora da Defesa Civil Municipal Claudia Rivera Escorcia sobre o plano de contingência dos bairros afetados pelo afundamento do solo (o Plancon) também está marcada para a quarta-feira. Nesta palestra, assuntos que envolvem um dos problemas geológicos mais complexos do país virão à tona sob a ótica do trabalho executado pelo órgão municipal.

No dia seguinte, os assistentes sociais estão sendo convidados para a programação. Eles assistirão a palestras sobre o papel da Defesa Civil na sociedade (com o coordenador-geral Abelardo Nobre) e sobre a importância do social na Defesa Civil (com o professor Eugênio Dantas – diretor social da Defesa Civil), além de poderem participar de uma oficina da Assistência Social, com a professora mestra Fernanda Ferreira.

O coordenador-adjunto da Defesa Civil Municipal, Geraldo Vasconcelos, informou que a Separd acontece anualmente e admite que, este ano, a programação tem um ingrediente a mais para dominar o debate, que é a situação dos moradores e dos bairros afetados pela mineração.

“Estamos atuando e ainda recebendo muitas demandas em relação a este problema gravíssimo. Um das discussões mais recentes diz respeito ao que vai acontecer com os moradores da região do Flexal, que, atualmente, estão ilhados. A Defesa Civil já solicitou que o Ministério Público e a Braskem avaliem com urgência a situação para que estas pessoas possam sem transferidas de local”, avalia.

Comentários
Curta o EXTRA no Facebook
Confira o nosso canal no YouTube
Siga-nos no Twitter
Siga-nos no Instagram Seguir </html>
Notamos que você possui
um ad-blocker ativo!

Produzir um conteúdo de qualidade exige recursos.

A publicidade é uma fonte importante de financiamento do nosso conteúdo.

Para continuar navegando, por favor desabilite seu bloqueador de anúncios.

publicidade