Alagoas, 19 de setembro de 2021 23º min 28º máx
WhatsApp (82) 9.9982-0322
MASSA FALIDA DA LAGINHA

TJ restabelece validade dos leilões das usinas de Minas

José Fernando Martins

10/09/2021 10h10 - Atualizado em 10/09/2021 11h11

Usina Triálcool
AssessoriaUsina Triálcool

Desembargadores da Seção Especializada Cível do Tribunal de Justiça (TJ) decidiram hoje, 10, negar o mandado de segurança impetrado pela empresa Concre-Norte Indústria e Comércio Ltda, em 2019, que pedia a suspensão dos leilões que arremataram as usinas Triálcool e Vale do Paranaíba, localizadas em Minas Gerais, da Massa Falida da Laginha.

Com esse entrave judicial, o pagamento de credores estava suspenso.

O julgamento estava marcado para segunda-feira, 30, mas foi adiado por falta de quórum. No entanto, nesta sexta-feira, os magistrados seguiram o voto da relatora do processo falimentar, a desembargadora Elisabeth Carvalho Nascimento.

A Concre-Norte alega que as usinas foram vendidas a preço vil. Entre os pontos questionados, estaria o valor da terra que estaria desconexo com o do praticado na região.

Também foi apontada uma suposta supervalorização de gastos para reparos nas unidades produtivas e a informação, supostamente falsa, de que as usinas não tinham cana de açúcar a serem exploradas na ocasião. Tais pontos teriam sido responsáveis por baixar o real valor dos empreendimentos.

A anulação dos leilões havia sido acatada em setembro do ano passado, por meio de liminar, pelo ex-relator, o desembargador Klever Loureiro, atual presidente do Tribunal de Justiça.

Comentários
Curta o EXTRA no Facebook
Confira o nosso canal no YouTube
Siga-nos no Twitter
Siga-nos no Instagram Seguir </html>
Notamos que você possui
um ad-blocker ativo!

Produzir um conteúdo de qualidade exige recursos.

A publicidade é uma fonte importante de financiamento do nosso conteúdo.

Para continuar navegando, por favor desabilite seu bloqueador de anúncios.

publicidade