Alagoas, 18 de junho de 2021 24º min 26º máx
WhatsApp (82) 9.9982-0322
CHUVA

Temporal causa estragos em Palmeira dos índios

Ruas alagadas, árvores caídas e telhados destruídos devido a forte tempestade

Redação com assessoria

14/04/2021 18h06 - Atualizado em 14/04/2021 23h11

Temporal deixa rua destruída
Ascom Palmeira dos índiosTemporal deixa rua destruída

A cidade de Palmeira dos índios sofreu com o temporal que caiu na tarde desta quarta-feira, (14). A forte tempestade atingiu ruas, árvores e casas. O Instituto Nacional de Meteorologia (INMET) publicou alerta amarelo e chuvas intensas no município para esta quarta. O aviso indicava chuva entre 20 e 30 mm/h ou até 50 mm/dia, com ventos intensos (40-60 km/h), risco de corte de energia elétrica, queda de galhos de árvores, alagamentos e descargas elétricas.

  No bairro da Cafurna moradores resgataram uma criança que tinha caído dentro de um bueiro. O menino passa bem e só sofreu pequenos arranhões. O telhado do antigo Bar Gôta D’Água, que fica às margens do Lagodo Goiti, desabou parcialmente. A água também desceu com muita força do bairro Alto do Cruzeiro, além da chuva, um cano de água da Casal estourou no bairro, causando mais transtorno.

  O temporal teve duração de 1h 30min segundo a prefeitura do munícipio. Logo que a chuva iniciou, o prefeito Júlio Cezar soltou um aviso nas suas redes sociais pedindo para a população ficar em casa. Após o temporal, o prefeito percorreu os locais mais atingidos. ‘Estamos com homens e máquinas retirando árvores, limpando ruas e desobstruindo galerias por toda a cidade. Vamos limpar as ruas e continuar monitorando os pontos mais críticos da cidade, que são as localidades mais altas, como o Alto do Cruzeiro’, falou Júlio Cezar.

A Sala de Alerta da Secretaria de Estado do Meio Ambiente e dos Recursos Hídricos (Semarh) emitiu um novo aviso meteorológico, no início da tarde quarta-feira (14) sobre as condições atmosféricas próximas à costa leste do Nordeste, que devem provocar pancadas de chuva intercaladas com períodos de tempo seco em pontos isolados do Agreste, Litoral, Baixo São Francisco e Zona da Mata. De acordo com a sala, o baixo são Francisco e Zona da mata devem sofrer pancada de chuva até sexta-feira (16). 

A prefeitura recomenda que se houver rajadas de vento o cidadão não deve procurar abrigo embaixo de árvores, pois há leve risco de queda e descargas elétricas, e não estacionar veículos próximos a torres de transmissão e placas de propaganda. As pessoas também devem evitar o uso aparelhos eletrônicos ligados à tomada. 

Em caso de ocorrência, a população pode ligar para o Corpo de Bombeiros: 193; Defesa Civil Municipal: 99301.6633 e Secretária de Urbanismo: 99686.4990.

Comentários
Curta o EXTRA no Facebook
Confira o nosso canal no YouTube
Siga-nos no Twitter
Siga-nos no Instagram Seguir </html>
Notamos que você possui
um ad-blocker ativo!

Produzir um conteúdo de qualidade exige recursos.

A publicidade é uma fonte importante de financiamento do nosso conteúdo.

Para continuar navegando, por favor desabilite seu bloqueador de anúncios.

publicidade