Alagoas, 26 de fevereiro de 2021 24º min 29º máx
WhatsApp (82) 9.9982-0322
POLÍCIA

Empresário que atirou em garçom na Praia do Francês é preso em flagrante

Tamara Albuquerque

21/02/2021 08h08 - Atualizado em 21/02/2021 08h08

Vídeo mostra momento em que empresário atira no garçom na orla
ReproduçãoVídeo mostra momento em que empresário atira no garçom na orla

Policiais da Divisão Especial de Investigação e Capturas (DEIC) prenderam ontem (20) o empresário Cícero de Andrade, que produziu momentos de terror numa das barracas na Praia do Francês, em Marechal Deodoro, na última sexta-feira (19). Após discussão com um garçom e visivelmente embriagado, ele atirou no profissional, que foi atingido na perna, e também ameaçou o proprietário do estabelecimento. A tentativa de homicídio foi filmada por populares e pelas câmeras de segurança do bar, sendo divulgado nas redes sociais.

O empresário foi pego na residência dele, no condomínio de luxo Aldebaran, em Maceió, de onde tentou fugir do flagrante usando o carro da esposa, um Corolla, afirmando que iria se entregar à polícia. De acordo com o delegado Gustavo Xavier, os policiais foram até à casa do empresário após receber a denúncia. "Nós estamos em diligência desde ontem para tentar prendê-lo. Ao sair no carro da esposa, ele tentou se furtar da prisão. Por isso trouxemos ele aqui para a Deic para autuá-lo em flagrante", disse o delegado.

O empresário seria irmão de um juiz de Alagoas e dono de postos de combustíveis na capital. Além de atirar no garçom, identificado como Samuel, ele deflagrou vários tiros que atingiram a estrutura do bar. O garçom foi socorrido e encaminhado ao Hospital Geral do Estado.

Segundo testemunhas, a discussão entre Cícero de Andrade e o garçom foi motivada porque o empresário, que já havia consumido muita bebida alcoólica, estaria assediando as garçonetes que trabalhavam no bar, uma das quais irmã do garçom. O empresário foi flagrado pelas câmeras dando um tapa em Samuel e, em seguida, sacando a arma. 

Depois de atirar no garçom, Cícero de Andrade se encaminhou ao estacionamento onde estava seu veículo, uma Hilux preta, e continuou deflagrando tiros. Ele deixou o estacionamento pela contramão, antes da chegada da polícia, que só compareceu ao local 50 minutos após a ocorrência. 

Galeria de Fotos


Comentários
Curta o EXTRA no Facebook
Confira o nosso canal no YouTube
Siga-nos no Twitter
Siga-nos no Instagram Seguir </html>
Notamos que você possui
um ad-blocker ativo!

Produzir um conteúdo de qualidade exige recursos.

A publicidade é uma fonte importante de financiamento do nosso conteúdo.

Para continuar navegando, por favor desabilite seu bloqueador de anúncios.

publicidade