Alagoas, 24 de novembro de 2020 24º min 27º máx
WhatsApp (82) 9.9982-0322
'TEM QUE RESPEITAR'

Polícia vai investigar homem que publicou foto dizendo ter agredido namorada em Maceió

Publicação foi compartilhada por internautas que pedem punição ao agressor

Bruno Fernandes

21/10/2020 14h02 - Atualizado em 21/10/2020 15h03

Publicação foi feita na manhã desta quarta-feira
InstagramPublicação foi feita na manhã desta quarta-feira

A Polícia Civil de Alagoas vai investigar uma suposta agressão a uma mulher em Maceió, postada pelo perfil de um homem no Instagram. As imagens chocaram os alagoanos na tarde desta quarta-feira, 21, e mostram uma mulher ensanguentada após ser agredida pelo companheiro.

Agressão será investigada pela Polícia Civil

Na publicação, o suposto agressor identificado apenas como Mardey declarou ter espancado a namorada por ela não lhe respeitar. O bairro e quando a agressão teria ocorrido não foi divulgado. O perfil de Mardey foi desativado pouco tempo após a publicação, feita há aproximadamente 10 horas.

Com declarações machistas, o suposto agressor disse que bateu na namorada para ela aprender que quem manda é ele. "‘Mulher que não respeita o namorado merece apanhar. Hj bati na minha namorada pra ela aprender que quem manda sou eu’".

Ainda na publicação, o homem também escreveu: “Tem certos tipos de mulheres que só vai assim ou matando”. O caso revoltou vários internautas que marcam na publicação dele, a Polícia Militar de Alagoas e o Ministério Público de Alagoas.

O material chegou ao EXTRA através de internautas que, em seguida, enviou para a delegada Cássia Mabel, da 2ª Delegacia de Defesa da Mulher da Capital.

A titular informou não ter sido informada de forma oficial através de uma denúncia da vítima, mas que iria investigar o caso. "Não estou sabendo dessa agressão, mas vou repassar as informações para os policiais investigarem o caso", informou.



Comentários
Curta o EXTRA no Facebook
Confira o nosso canal no YouTube
Siga-nos no Twitter
Siga-nos no Instagram Seguir </html>
Notamos que você possui
um ad-blocker ativo!

Produzir um conteúdo de qualidade exige recursos.

A publicidade é uma fonte importante de financiamento do nosso conteúdo.

Para continuar navegando, por favor desabilite seu bloqueador de anúncios.

publicidade