Alagoas, 24 de outubro de 2020 24º min 28º máx
WhatsApp (82) 9.9982-0322
CRIANÇAS

País terá vacinação em massa contra poliomielite e outras doenças

Arthur Fontes/Estagiário sob supervisão

17/10/2020 07h07

Crianças devem ser imunizadas, a partir de hoje, contra a poliomielite
Agência BrasilCrianças devem ser imunizadas, a partir de hoje, contra a poliomielite

Neste sábado, 17, ocorre em todo o país o dia de mobilização (dia D) da Campanha Nacional de Vacinação contra a Poliomielite e Multivacinação. A imunização segue até o dia 30 de outubro e tem como público-alvo as crianças de 1 a 4 anos, que devem receber a dose extra da vacina oral (gotinha) contra a poliomielite e as crianças e adolescentes menores de 15 anos de idade para a atualização da caderneta de vacinação, administrando as vacinas que estejam atrasadas, reduzindo as taxas de abandono do esquema vacinal.

A Poliomielite é uma doença infectocontagiosa aguda, causada por um vírus de gravidade variável: o Poliovírus. Essa doença pode afetar tanto adultos quanto crianças, mas por ser mais contraída na infância, ficou conhecida como “paralisia infantil”. Esse é o principal motivo do Ministério da Saúde reforçar o apelo para a vacina contra Poliomielite nos primeiros anos de vida.

Segundo a gerente de imunização da Secretaria Municipal da saúde (SMS), Eunice Amorim, a campanha tem como objetivo vacinar 95% das crianças de 1 a 4 anos contra a poliomielite, além de atualizar a situação vacinal dos usuários de até 15 anos. “Além dessa mobilização no sábado com o intuito de reforçar essa imunização, nas unidades de saúde continuam disponíveis todas as vacinas do Calendário Básico de crianças e adolescentes, exceto BCG, que continuam a ser disponibilizadas nas unidades referenciadas com dias preestabelecidos”, destaca.

Hoje

Durante o dia D também será resgatado o público adulto de 20 a 49 anos ainda não vacinado com a dose extra da vacina Tríplice Viral (sarampo, caxumba e rubéola), conforme as recomendações do Ministério da Saúde para a 4ª etapa da Campanha Nacional de Vacinação contra o Sarampo, que vem ocorrendo desde 3 de agosto e se estenderá até 31 de outubro de 2020.

Em caso de sintomas respiratórios ou febre, as pessoas não devem buscar a vacinação, precisando respeitar o período de 14 dias de isolamento e, após isso, estarem há, pelo menos, três dias sem sintomas para se vacinarem.

Confira as unidades de saúde que funcionarão em Maceió de acordo com a localização geográfica e demanda de atendimentos.
- 1º Distrito Sanitário
UBS Dr. Osvaldo Brandão Vilela (Ponta da Terra)
URS Dr. Diógenes de Jucá Bernardes – II Centro de Saúde (Poço)
- 2º Distrito Sanitário
UBS Pam Dique Estrada (Ponta Grossa)
URS Roland Simon (Vergel do Lago
USF Prof. Durval Cortez (Prado)
- 3º Distrito Sanitário
URS Pitanguinha
- 4º Distrito Sanitário
UBS Dr. Antônio de Pádua (Jardim Petrópolis)
- 5º Distrito Sanitário
URS João Paulo II (Jacintinho)
USF José Araújo Silva (Jacintinho)
UBS José Tenório (Serraria)
- 6º Distrito Sanitário
URS Hamilton Falcão (Benedito Bentes I)
USF Frei Damião (Benedito Bentes I)
UBS Arthur Ramos (Antares)
- 7º Distrito Sanitário
US José Pimentel Amorim (Tabuleiro dos Martins Conj. Salvador Lyra)
UBS DR.Djalma Loureiro (Clima bom)
US DR. João Macário (Santos Dumont)
URS IB Gatto Falcão (Tabuleiro dos Martins)
- 8º Distrito Sanitário
URS Maria Conceição Fonseca Paranhos (Riacho Doce)

Comentários
Curta o EXTRA no Facebook
Confira o nosso canal no YouTube
Siga-nos no Twitter
Siga-nos no Instagram Seguir </html>
Notamos que você possui
um ad-blocker ativo!

Produzir um conteúdo de qualidade exige recursos.

A publicidade é uma fonte importante de financiamento do nosso conteúdo.

Para continuar navegando, por favor desabilite seu bloqueador de anúncios.

publicidade