Alagoas, 20 de setembro de 2020 22º min 27º máx
WhatsApp (82) 9.9982-0322
FALTA DE AR

Reeducandos filmados agonizando em presídio testam negativo para covid-19

Bruno Fernandes

16/09/2020 08h08 - Atualizado em 16/09/2020 08h08

Presos agonizam no chão
Reprodução/TwitterPresos agonizam no chão

Os detentos do presídio Cyridião Durval e Silva filmados agonizando com falta de ar na última semana realizaram exames de identificação da covid-19, e todos os cinco reeducandos testaram negativos para o vírus. A informação foi divulgada na noite de terça-feira, 16, pela Secretaria de Estado da Ressocialização e Inclusão Social (Seris).

Após os exames mostrarem resultados negativos para o vírus, eles passaram por uma nova avaliação, e o estado de saúde deles é considerado até o momento estável.

Após o fato, uma comissão de sindicância criada pela fasta resolveu afastar cautelarmente por 60 dias, prorrogáveis por mais 60, sete policiais penais que estavam de serviço no presídio.

A decisão foi tomada após análise do circuito interno de câmeras daquela unidade. O procedimento busca apurar a conduta dos servidores penitenciários durante o fato registrado no último sábado, 12.

Entenda o caso

Um vídeo publicado no domingo, 13, pela Agenda Nacional Pelo Desencarceramento, nas redes sociais, denunciou a situação de presos que sofrem com falta de ar por conta da superlotação.

Na gravação aparecem cinco detentos agonizando no chão do Presídio Masculino Cyridião Durval e Silva, em Maceió. Conforme o autor do vídeo, a superlotação das celas foi o que causou as crises nos presos.

“Tiramos para atendimento na enfermagem por falta de oxigênio circulando”, disse. “Muitos presos dentro de um mesmo ambiente fechado, respirando, e a consequência não poderia ser outra”, acrescenta.

Dados do Departamento Penitenciário Nacional (Depen) dão conta que há 44 contaminações confirmadas e 13 casos suspeitos de covid-19 nos presídios alagoanos. No entanto, até o momento, nenhum preso morreu por conta do novo coronavírus.

Comentários
Curta o EXTRA no Facebook
Confira o nosso canal no YouTube
Siga-nos no Twitter
Siga-nos no Instagram Seguir </html>
Notamos que você possui
um ad-blocker ativo!

Produzir um conteúdo de qualidade exige recursos.

A publicidade é uma fonte importante de financiamento do nosso conteúdo.

Para continuar navegando, por favor desabilite seu bloqueador de anúncios.

publicidade