Alagoas, 19 de maio de 2019 24º min 28º máx
WhatsApp (82) 9.9982-0322
Delmiro Gouveia

Operação cumpre mandados contra fraudes em licitações

Redação com MP

15/03/2019 10h10

Foto: Assessoria
Foto: Assessoria

Uma operação foi deflagrada na manhã desta sexta-feira, 15, para o cumprimento de mandados contra fraudes em licitações da Prefeitura de Delmiro Gouveia, Sertão alagoano. As buscas e apreensões acontecem na sede do Poder Executivo da cidade e nas Secretarias Municipais de Finanças, Administração e na Comissão Permanente de Licitação. O Executivo municipal é administrado pelo prefeito Padre Eraldo (PSD).

Fruto de dois procedimentos investigatórios criminais (PIC) comandados pelo procurador-geral de justiça, Alfredo Gaspar de Mendonça Neto, a ação apura valores aproximados de R$ 20 milhões, entre fraudes em licitação em diversos tipos de contratos firmados entre a Prefeitura de Delmiro Gouveia e empresas nas áreas de locação de veículos e maquinário, escritórios de contabilidade e de gerenciamento de contratos e prestadoras de serviço para aquisição de combustível e de produtos de laboratório. 

Segundo o MP, está sendo recolhida farta documentação, especialmente contratos e aditivos, processos de pagamento, relatórios e livros de procedimento e fiscalização referentes a diversos tipos de serviços entre os anos de 2017 e 2019. 

As investigações se concentram principalmente contra empresas de locação de veículos. A medida cautelar foi deferida, a pedido de Alfredo Gaspar, pelo desembargador José Carlos Malta Marques.

Também participam da ação promotores de Assessoria Técnica do MPE/AL, Vicente Porciúncula, Humberto Bulhões e Luiz Tenório, e pelos promotores de justiça de Delmiro Gouveia João Batista Santos Filho e Bolivar Cruz Ferro. 

Comentários
Curta o EXTRA no Facebook
Confira o nosso canal no YouTube
Siga-nos no Twitter
Siga-nos no Instagram Seguir 14.3k
Notamos que você possui
um ad-blocker ativo!

Produzir um conteúdo de qualidade exige recursos.

A publicidade é uma fonte importante de financiamento do nosso conteúdo.

Para continuar navegando, por favor desabilite seu bloqueador de anúncios.

publicidade