Alagoas, 19 de abril de 2019 24º min 29º máx
WhatsApp (82) 9.9982-0322
Exoneração

Maragogi começa 2019 sem a Guarda Municipal para reforçar segurança

Prefeito diz que nomeará concursados no primeiro semestre do próximo ano

Tâmara Albuquerque

06/12/2018 11h11

Prefeito Fernando Sérgio Lira (PP) -  Foto: Divulgação
Prefeito Fernando Sérgio Lira (PP) - Foto: Divulgação

A população do município de Maragogi, no litoral Norte de Alagoas, inicia 2019 sem o reforço da Guarda Municipal na área da segurança. O prefeito Fernando Sérgio Lira (PP) confirmou, ontem, que vai exonerar todos os integrantes do órgão, até janeiro do próximo ano, para substituí-los por concursados.

Segundo o prefeito, o atual modelo da Guarda Municipal tem sido alvo de reclamações pelo Ministério Público, que exige a ocupação dos cargos através do concurso. A prefeitura teria, inclusive, assinado um TAC (Termo de Ajustamento de Conduta) se comprometendo a cumprir a legislação.

A população, no entanto, teme ficar muito tempo sem o serviço da Guarda Municipal, já que os aprovados no último concurso realizado pelo município ainda não foram nomeados. Fernando Sérgio diz que as nomeações ocorrerão ainda no primeiro semestre de 2019, mais especificamente no mês de março.

 “A atual Guarda vai ser exonerada por força das consequências. Nós assinamos um TAC, a gente tem ciência de que a forma certa da Guarda entrar é por concurso público. Temos tido problema com o Ministério Público, que insiste no concurso e não podemos postergar o TAC”, disse Lira.

No último dia 30 de novembro, Fernando Sérgio publicou um decreto [018/2018] exonerando centenas de contratados em vários setores da prefeitura com intuito de enxugar a folha e garantir o pagamento do 13º salário dos servidores. Também determinou antecipação do recesso para o próximo dia 15. 

Comentários
Curta o EXTRA no Facebook
Confira o nosso canal no YouTube
Siga-nos no Twitter
Siga-nos no Instagram Seguir 13.4k
Notamos que você possui
um ad-blocker ativo!

Produzir um conteúdo de qualidade exige recursos.

A publicidade é uma fonte importante de financiamento do nosso conteúdo.

Para continuar navegando, por favor desabilite seu bloqueador de anúncios.

publicidade