Alagoas, 19 de abril de 2019 24º min 29º máx
WhatsApp (82) 9.9982-0322
Assista ao vídeo

João Beltrão elogia polícia por matar bandidos

Redação

11/11/2018 07h07

Foto: Divulgação
Foto: Divulgação

O deputado estadual licenciado João Beltrão (PRTB) usou as redes sociais no sábado, 10, para mandar um recado ao deputado federal Paulão (PT).

O parlamentar petista, membro da Comissão de Direitos Humanos e Minorias da Câmara dos Deputados (CDHM), pediu esclarecimentos ao governador Renan Filho e ao Ministério Público de Alagoas (MP-AL) sobre a ação policial que matou 11 acusados de assaltos a bancos. 

"Eles morreram, Paulão, porque eram santos. Você deveria chamar o padre e o bispo para irem à missa deles", ironizou João Beltrão. E continuou dizendo que os policiais que mataram os bandidos seriam dignos de congratulações.

"Paulão merecia uma pisa (surra) boa. Matar não, mas uma pisa boa para aprender o que as pessoas sofrem com esses bandidos nas ruas", finalizou. 

Vale ressaltar que João Beltrão, assim como Paulão, foi condenado em segunda instância por envolvimento na Máfia das Taturanas, esquema que desviou cerca de R$ 300 milhões da Assembleia Legislativa. 

Sem contar que o patriarca da Família Beltrão é acusado de mandar matar o bancário Dimas Hollanda, crime que ocorreu há 21 anos. Ele ainda é réu no caso do homicídio de  Pedro Daniel de Oliveira Lins, conhecido como “Pedrinho Arapiraca”, morto no dia 9 de julho de 2001, em Taguatinga-TO. 

No ano passado, João Beltrão foi inocentado da acusação de envolvimento no homicídio do cabo da Polícia Militar (PM) José Gonçalves da Silva Filho, em maio de 1996.

Assista ao vídeo

Comentários
Curta o EXTRA no Facebook
Confira o nosso canal no YouTube
Siga-nos no Twitter
Siga-nos no Instagram Seguir 13.4k
Notamos que você possui
um ad-blocker ativo!

Produzir um conteúdo de qualidade exige recursos.

A publicidade é uma fonte importante de financiamento do nosso conteúdo.

Para continuar navegando, por favor desabilite seu bloqueador de anúncios.

publicidade