Alagoas, 21 de janeiro de 2022 25º min 31º máx
WhatsApp (82) 9.9982-0322

Codevasf investe em mecanização da agricultura familiar em municípios alagoanos

ASCOM CODEVASF

14/12/2015 10h10

A mecanização da atividade agrícola é um sonho de muitos agricultores familiares. Para fortalecer a agricultura familiar em Alagoas e otimizar a produção agropecuária, a Companhia de Desenvolvimento dos Vales do São Francisco e do Parnaíba (Codevasf) está investindo cerca de R$ 960 mil em recursos de emenda parlamentar e de destaque orçamentário junto ao Ministério da Integração Nacional, dentro do Programa Desenvolvimento Territorial Sustentável e Economia Solidária para aquisição e repasse de patrulhas mecanizadas para associações de agricultores familiares em município da área de atuação da companhia em Alagoas.

As patrulhas mecanizadas são compostas por trator agrícola, grade aradora e carreta agrícola, sendo acrescentados outros itens de acordo com a demanda agrícola da associação.

Uma das associações beneficiadas é a Associação dos Pequenos Produtores de Leite de Paus Pretos (Appapleite), do povoado Paus Pretos, uma comunidade quilombola situada na zona rural do município de Monteirópolis, no semiárido alagoano.

Segundo o presidente da associação, cerca de 32 famílias quilombolas que trabalham com a produção leiteira estão sendo beneficiadas com a chegada da patrulha mecanizada.

“Essa máquina vai melhorar muito nosso trabalho, pois trará facilidade. Poderemos trabalhar mais cedo com o trator e cuidar da ração do gado. Antes nós tínhamos que pagar pelo uso de uma máquina ou esperar a vontade do dono do equipamento. No inverno, usaremos o trator para preparar a terra e plantar milho para fazer silo para o gado. Plantamos mandioca que já é ração para o gado também. O trator nesse momento de seca já está servindo para levar água para o gado”, revelou o agricultor sertanejo.

Os agricultores familiares da Associação dos Trabalhadores Rurais do Marizeiro (Astra), que reúne as famílias assentadas pela Codevasf no projeto de irrigação Santa Eliza, na zona rural de Penedo (AL), também comemoraram os investimentos de mecanização da atividade agrícola. Esse projeto de irrigação também é conhecido como Marizeiro.

“Essa patrulha mecanizada vai beneficar todos os associados. O trabalho vai começar desde a gradagem até a colheita. Vai ajudar a plantar, a espalhar calcário. Sempre sonhamos com essa mecanização para gente melhorar e facilitar o nosso trabalho braçal. E hoje, em dezembro de 2015, por meio da Codevasf, estamos realizando esse sonho. É uma vitória de todos do Marizeiro que ficará na história de todos os associados”, comentou Arivaldo da Anunciação.

Atualmente, a Astra conta com 28 famílias associadas que juntas produzem arroz, mandioca e feijão e cultivam peixes em tanques rede. Essa produção da associação é revertida em consumo para as próprias famílias. Já o excedente é vendido para a merenda escolar e também diretamente por cada uma das famílias. A renda da terra que antes ia para grandes proprietários, agora mantém as famílias do Marizeiro com o próprio trabalho.

“O Projeto Marizeiro antes era uma fazenda que se estendia por todas essas áreas. A Codevasf desapropriou as áreas e as repassou para assentados. Hoje as pessoas passaram do trabalho para fazendeiros para trabalhar para si mesmo”, afirmou orgulhoso o presidente da Astra.

Para o superintendente regional da Codevasf em Alagoas, Luciano Chagas, esses investimentos visam fomento à agricultura familiar por meio da mecanização da atividade.

“Por ser uma patrulha mecanizada completa, com trator, grade aradora, carroção, distribuidor de calcário, sulcadores, esses implementos irão diminuir o tempo de preparo de solo ou de colheita, pois também temos colheitadeira. Ao diminuir o tempo de preparo do solo, isso faz com que o agricultor ganhe mais tempo para exercer outra atividade ou até para ficar mais tempo com sua família. A mecanização melhora a vida do agricultor, pois, além de melhorar as condições de trabalho, ela agiliza todo o processo”, afirmou Chagas, que também é engenheiro agrônomo.

Ele ainda frisou o apoio da Codevasf ao associativismo e ao cooperativismo nas atividades agrícolas na área de atuação da companhia em Alagoas.

“Nos sentimos muito satisfeitos com o trabalho dessas associações. Com esses investimentos, nós fortalecemos as associações. Quando procuramos a identificação dessas cooperativas ou associações, nosso pessoal de campo vai lá e verifica se as famílias estão produzindo, se estão em dia com suas certidões, se já produzem e vendem sua produção, a exemplo do povoado Marizeiro, que possuem um consumo próprio da produção e comercializam o excedente para a merenda escola”, declarou o superintendente regional da Codevasf em Alagoas.

Até o momento, seis associações de municípios da área de atuação da Codevasf em Alagoas foram beneficiadas com a doação de patrulhas mecanizadas: Associação dos Trabalhadores Rurais do Marizeiro (Astra) em Penedo (AL); Associação dos Pequenos Produtores de Leite de Paus Pretos (Appapleite) do município de Monteirópolis (AL); Associação de Moradores e de Produtores Rurais do Povoado Riacho do Pedro (ASMOPRRP) em Penedo; Associação dos Produtores de Leite de Piaçabuçu (APLP), no município de mesmo nome; Associação dos Pequenos Produtores de Leite de Samambaia (Apropaleite) no município de Olho D’Água das Flores (AL); e Associação dos Pequenos Produtores de Leite do Povoado Capelinha do município de Major Izidoro (AL).

Comentários
Curta o EXTRA no Facebook
Confira o nosso canal no YouTube
Siga-nos no Twitter
Siga-nos no Instagram Seguir </html>
Notamos que você possui
um ad-blocker ativo!

Produzir um conteúdo de qualidade exige recursos.

A publicidade é uma fonte importante de financiamento do nosso conteúdo.

Para continuar navegando, por favor desabilite seu bloqueador de anúncios.

publicidade