Alagoas, 03 de dezembro de 2021 26º min 32º máx
WhatsApp (82) 9.9982-0322
PAM SALGADINHO

Aposentado denuncia falta de bolsas de colostomia no PAM Salgadinho

07/08/2015 10h10

Um aposentado de 72 anos denunciou ao G1, na manhã desta sexta-feira (7), que há cerca de 60 dias vai até o Posto de Atendimento Médico do Salgadinho (PAM Salgadinho), em Maceió, à procura de bolsas de colostomia - reservatório utilizado para coletar fezes através do abdômen-, mas volta de mãos vazias.

O material é utilizado por sua esposa, Claudia Helena, 50, que teve câncer de intestino há cinco anos e necessita das bolsas diariamente. Mas, segundo ele, ela não é a única paciente que está nesta situação.

Petrúcio Carlos afirma que mora no município de Santa Luzia do Norte, Região Metropolitana, e tem que realizar o percurso até a capital alagoana praticamente toda semana, na esperança de que as bolsas tenham chegado na unidade de saúde.

“Já são 60 dias que o PAM não fornece as bolsas para fezes. Mês passado eu tive que comprar 17 bolsas, cada uma custando R$ 20. Isso dá mais de R$ 300, e eu só recebo um salário mínimo da aposentadoria. Não tenho mais dinheiro para comprar”, relata o aposentado.

O aposentado conta que usa diversos métodos alternativos para lidar com a falta do reservatório. "Minha esposa agora está tendo que usar um pano na barriga para segurar as fezes e o mau cheiro é grande. Mas antes disso já teve bolsa que lavei dez vezes para reutilizar, mas chega um ponto em que ela não cola mais".

Infelizmente, a espera de Petrúcio Carlos deverá se prolongar. A Coordenação do Programa de Órtese e Prótese da Secretaria Municipal de Saúde (SMS) informou que o processo para a aquisição das bolsas coletoras está tramitando e sendo analisado pela Diretoria de Licitação da Secretaria Municipal de Finanças.

No entanto, o fornecimento das bolsas coletoras para pacientes ostomizados só deve ser regularizado em até 90 dias. Segundo a SMS, há 160 pacientes cadastrados no programa, que deveriam receber em média três bolsas por mês.

Fonte: G1

Comentários
Curta o EXTRA no Facebook
Confira o nosso canal no YouTube
Siga-nos no Twitter
Siga-nos no Instagram Seguir </html>
Notamos que você possui
um ad-blocker ativo!

Produzir um conteúdo de qualidade exige recursos.

A publicidade é uma fonte importante de financiamento do nosso conteúdo.

Para continuar navegando, por favor desabilite seu bloqueador de anúncios.

publicidade