Alagoas, 24 de outubro de 2021 25º min 30º máx
WhatsApp (82) 9.9982-0322
ATENTADO

Apesar de ataques, ônibus circulam normalmente em Maceió

19/06/2015 09h09

Apesar de ataques, ônibus circulam normalmente em Maceió

Os ônibus circulam normalmente em Maceió na manhã desta sexta-feira (19). Apesar dos ataques a três coletivos na quinta-feira (18), os rodoviários decidiram manter o funcionamento dos transportes.

De acordo com o presidente Sindicato dos Trabalhadores em Transportes Rodoviários no Estado de Alagoas (Sinttro/AL), Écio Marques, a mobilização que ocorreria entre 0h e 05h da manhã foi cancelada a pedido das autoridades do estado.

"O secretário da Defesa Social [Alfredo Gaspar de Mendonça Neto] e o comandante da Polícia Militar [Coronel Lima Júnior] entraram em contato comigo e pediram para a mobilização não acontecer. Eles garantiram que o problema da insegurança nos ônibus seria resolvido", afirma.

Ainda na manhã desta sexta-feira, uma reunião entre a Superintendência Municipal de Transportes e Trânsito (SMTT), Polícia Militar, Secretaria de Estado da Defesa Social e Ressocialização (Sedres) e os rodoviários discutirá a segurança nos coletivos.

ATAQUES

Os ataques aos coletivos urbanos aconteceram nos bairros do Mutange, Ponta Grossa e Benedito Bentes, nas periferias de Maceió. Em menos de 12 horas, dois ônibus foram incendiados e ficaram destruídos. Outro, que foi depredado, conseguiu escapar da ação criminosa.

Na tarde de quinta (18), no Mutange, um coletivo foi incendiado. A viatura da Radiopatrulha (RP) foi a primeira a chegar ao local, no início da ocorrência. De acordo com os militares, a guarnição foi recebida a tiros por um grupo de cerca de 25 pessoas.

Em outro ponto da cidade, na Rua Cabo Reis, no bairro do Trapiche, criminosos tentaram incendiar um outro ônibus. Houve um princípio de incêndio, mas o motorista e os passageiros do veículo conseguiram conter as chamas ainda no início. Niguém ficou ferido e também não houve prisões.

Já no fim da noite da quinta, outro coletivo foi incendiado. Desta vez, no terminal do conjunto Frei Damião, no Benedito Bentes. O veículo estava parado no terminal quando grupo colocou fogo no veículo.

OUTRO CASO

No início do mês, um ônibus da empresa São Francisco foi incendiado na Avenida Leste-Oeste, no bairro do Jacintinho. Duas pessoas ficaram feridas com estilhaços de vidros do coletivo. Ninguém foi preso pelo crime.

Pouco depois da ação criminosa, o secretário de Defesa Social e Ressocialização, Alfredo Gaspar de Mendonça, determinou a ocupação policial do Conjunto José da Silva Peixoto e da Grota do Moreira.

Fonte: G1

Comentários
Curta o EXTRA no Facebook
Confira o nosso canal no YouTube
Siga-nos no Twitter
Siga-nos no Instagram Seguir </html>
Notamos que você possui
um ad-blocker ativo!

Produzir um conteúdo de qualidade exige recursos.

A publicidade é uma fonte importante de financiamento do nosso conteúdo.

Para continuar navegando, por favor desabilite seu bloqueador de anúncios.

publicidade