Alagoas, 28 de janeiro de 2022 24º min 31º máx
WhatsApp (82) 9.9982-0322
ORÇAMENTO DA CAPITAL

Conselho da Prefeitura de Maceió reduz em 30% salário de Rui Palmeira

Portal G1/AL

28/11/2014 09h09

Conselho da Prefeitura de Maceió reduz em 30% salário de Rui Palmeira

A Prefeitura de Maceió, por meio do Conselho de Gestão Administrativa Fiscal, reduziu em 30% o salário do prefeito Rui Palmeira (PSDB). O decreto foi publicado no Diário Oficial do Município desta sexta-feira (28). A medida já está em vigor, já que a mesma edição do Diário traz a homologação da resolução pelo prefeito.

 

O salário líquido de Palmeira, segundo o Portal da Transparência da Prefeitura de Maceió, é R$ 19.809,36. Com a redução, vai a R$ 13.866,52.

 

De acordo com a publicação, a redução é necessária para adequação das despesas financeiras do município. Além do salário do prefeito, os cargos em comissão nomeados a NES-1 e NES-2, de secretário municipal e secretário adjunto, respectivamente, terão uma redução de 20% e o cargo em comissão nomeado a DAS-6, de assessor especial,10%.

 

A redução nos salários faz parte de uma série de medidas previstas pela prefeitura, desde a criação da Comissão Gestora Fiscal e Administrativa pelo Poder Executivo, com o objetivo de iniciar um processo de contenção de gastos em Maceió devido ao corte no repasse do Fundo de Participação dos Municípios (FPM), que a transferência constitucional da União para os Estados e o Distrito Federal, composta de 22,5% da arrecadação do Imposto de Renda (IR) e do Imposto sobre Produtos Industrializados (IPI).

 

No último dia 17, a Prefeitura de Maceió exonerou 93 servidores públicos pertencentes ao gabinete do prefeito Rui Palmeira (PSDB). A Secom ainda informou que as mais de 90 exonerações representam uma redução de 20% dos gastos da folha de pagamento do Executivo Municipal.

 

A gestão também vem passando por mudanças no secretariado. Renata Fonseca, secretária de Finanças e Rafael Wong, secretário do Meio Ambiente pediram exoneração no início do mês de novembro.

Comentários
Curta o EXTRA no Facebook
Confira o nosso canal no YouTube
Siga-nos no Twitter
Siga-nos no Instagram Seguir </html>
Notamos que você possui
um ad-blocker ativo!

Produzir um conteúdo de qualidade exige recursos.

A publicidade é uma fonte importante de financiamento do nosso conteúdo.

Para continuar navegando, por favor desabilite seu bloqueador de anúncios.

publicidade