Alagoas, 28 de janeiro de 2022 24º min 31º máx
WhatsApp (82) 9.9982-0322
Política

Lessa confirma aliança da Frente de Oposição com PROS de Carimbão

Segundo ex-governador, Renan Filho aguarda apenas Carimbão comunicar decisão a Teotonio Vilela

Cada Minuto

10/06/2014 10h10

Lessa confirma aliança da Frente de Oposição com PROS de Carimbão

A informação foi confirmada ontem pelo ex-governador Ronaldo Lessa (PDT), coordenador político da Frente de Oposição: O PROS do deputado federal Givaldo Carimbão vai mesmo apoiar o deputado federal Renan Filho (PMDB) na disputa pelo governo do Estado. Depois do lançamento do nome do ex-prefeito de Arapiraca, Luciano Barbosa (PMDB), como vice da chapa da Frente de Oposição, Lessa disse que Carimbão justificou sua ausência no evento porque ainda queria comunicar sua decisão ao governador Teotonio Vilela Filho (PSDB).

“O PROS está confirmado na Frente de Oposição. O Carimbão não veio porque ainda quer conversar com o governador, com quem tem um compromisso político. É uma questão ética dele, que disse não se sentir à vontade em estar aqui, confirmando a aliança, sem conversar antes com o Téo. Mas o PROS está conosco!”, garantiu Ronaldo Lessa.

O blog antecipou, em abril, que o deputado federal do PROS havia fechado apoio à Frente de Oposição. O parlamentar negou. Mas admitiu, na última quinta-feira (5), que era forte a possibilidade de o PROS apoiar Dilma Rousseff em Alagoas. Consequentemente, estaria na base política de Dilma, na Frente de Oposição.

Hoje, O PROS se reúne para discussão programática que resultará em propostas que serão entregues a Dilma nesta quarta-feira (11), em audiência com a presidente que definirá o apoio nacional da sigla à sua reeleição.

Não se sabe se o governador também tratará Carimbão como tratou os aliados de Benedito de Lira (PP), cujos secretários indicados pelos partidos foram exonerados e alguns outros ainda esperam pela decisão sempre lenta de Teotonio Vilela. Carimbão tem seu indicado Adalberon Sá Júnior comandando a Secretaria da Paz, que Vilela criou no primeiro mandato para composição política com o deputado federal, líder do PROS no Congresso Nacional.

Quanto ao governador Teotonio Vilela, segue tentando atrair pelo menos uma “parêa” para o PSDB. Se não conseguir, estar só será plataforma de marketing eleitoral para Eduardo Tavares (PSDB), seu candidato. Um dia desses, isso era chamado de incompetência e falta de habilidade política. Hoje querem chamar de pureza.

 

 

 

Fonte: Cada Minuto

Comentários
Curta o EXTRA no Facebook
Confira o nosso canal no YouTube
Siga-nos no Twitter
Siga-nos no Instagram Seguir </html>
Notamos que você possui
um ad-blocker ativo!

Produzir um conteúdo de qualidade exige recursos.

A publicidade é uma fonte importante de financiamento do nosso conteúdo.

Para continuar navegando, por favor desabilite seu bloqueador de anúncios.

publicidade