Alagoas, 16 de setembro de 2021 23º min 28º máx
WhatsApp (82) 9.9982-0322
Política

Lane Cabudo vence a eleição e é a nova prefeita da cidade de Palestina

Candidata do PT obteve 1.598 votos, contra 1.524 de Dino César, do PMDB

Gazeta Web

07/04/2014 08h08

Lane Cabudo (PT) é a nova prefeita do município de Palestina, no Sertão alagoano. Ela venceu a disputa com 1.598 votos, 74 a mais em relação ao seu concorrente, Dino César (PMDB), que obteve 1.524 votos. No total, dos 3.664 eleitores aptos a votar, 3.217 participaram do pleito e 447 se ausentaram.

Entre os 3.217 votantes, 3.122 optaram por algum dos dois candidatos. Foram computados 20 votos em branco e 75 nulos. Lane Cabudo e Dino César são adversários ferrenhos. Estava assumindo a prefeitura, até agora, o presidente da Câmara de Vereadores Geraldo Joaquim de Carvalho (PTdoB), que apoia a candidatura peemedebista.

A votação em Palestina acabou por volta das 14h25. As urnas foram transportadas dos locais de votação para o cartório eleitoral de Pão de Açucar, onde aconteceu a apuração, com escolta policial. 

Pela manhã, houve longas filas nos dois locais de votação, que contaram com 11 secções. Apesar disso, o pleito foi considerado tranquilo, segundo informações repassadas pela assessoria de comunicação do TRE. Neste domingo, cerca de 3 mil eleitores foram obrigados a voltar às urnas para escolher o prefeito e o vice-prefeito para concluir o mandato até dezembro de 2016. 

A votação aconteceu nas escolas Pedro Felix e Manoel Pereira, localizadas numa mesma rua, o que facilita o trabalho da Justiça Eleitoral e também das polícias Militar e Civil, mobilizadas à cidade para garantir a segurança dos eleitores.

Sem ocorrências

Segundo o comandante do 7º Batalhão, coronel Claudivan Albuquerque, responsável pelo comando do policiamento durante a eleição, não foram registradas ocorrências. “Tudo ocorreu dentro da normalidade. Não houve ocorrências. O policiamento não registrou qualquer fato de infração à legislação eleitoral ou penal. Acredito que a população assimilou que teria que fazer o seu papel na eleitoral”, acrescentou o oficial.

A segurança da eleição contou com um efetivo de 52 homens e oito viaturas da Polícia Militar, além de duas guarnições do Tigre, da Polícia Civil, e uma guarnição da Polícia Federal. O coronel explicou que o policiamento será mantido na região, para garantir a tranquilidade.

Comentários
Curta o EXTRA no Facebook
Confira o nosso canal no YouTube
Siga-nos no Twitter
Siga-nos no Instagram Seguir </html>
Notamos que você possui
um ad-blocker ativo!

Produzir um conteúdo de qualidade exige recursos.

A publicidade é uma fonte importante de financiamento do nosso conteúdo.

Para continuar navegando, por favor desabilite seu bloqueador de anúncios.

publicidade