Alagoas, 16 de setembro de 2021 23º min 28º máx
WhatsApp (82) 9.9982-0322
Política

Pinto de Luna se articula por uma das vagas do Legislativo

Alagoas 24 horas

25/03/2014 09h09

Pinto de Luna se articula por uma das vagas do Legislativo

O ex-superintendente da Polícia Federal, José Pinto de Luna, voltará a disputar eleições. Ao menos no que depender dele. Luna já tem trabalhado para montar uma base que permita sua candidatura a uma das cadeiras da Assembleia Legislativa do Estado de Alagoas.

 

Luna – desde que deixou a Polícia Federal – tem participado ativamente da política local. Em 2010, disputou uma das cadeiras da Câmara de Deputados pelo Partido dos Trabalhadores. Acabou na suplência.

 

Em 2012, José Pinto de Luna não se envolveu com o processo eleitoral. O nome dele chegou a ser cogitado como um possível candidato à Câmara Municipal de Maceió, mas não se concretizou.

 

Antes disto, Luna assumiu a Superintendência Municipal de Transporte e Trânsito e a Guarda Municipal. Ambas funções na gestão do ex-prefeito Cícero Almeida (PRTB).

 

Um detalhe: Almeida está entre os indiciados na Operação Taturana da Polícia Federal, que atingiu em cheio o Legislativo estadual, revelando um suposto desvio de mais de R$ 300 milhões.

 

O caso teve repercussão e garantiu visibilidade a José Pinto de Luna, envolvendo inclusive polêmicas, como quando Luna se lançou em uma pré-candidatura ao Senado Federal (2010), que se converteu depois na disputa por uma proporcional.

 

Agora, Luna mira justamente numa das cadeiras da Casa de Tavares Bastos. Se tiver êxito é provável que ocupe espaço em uma legislatura com antigos “rivais”: políticos indiciados pela Taturana, cujo inquérito está na Justiça. 

 

 

 

Comentários
Curta o EXTRA no Facebook
Confira o nosso canal no YouTube
Siga-nos no Twitter
Siga-nos no Instagram Seguir </html>
Notamos que você possui
um ad-blocker ativo!

Produzir um conteúdo de qualidade exige recursos.

A publicidade é uma fonte importante de financiamento do nosso conteúdo.

Para continuar navegando, por favor desabilite seu bloqueador de anúncios.

publicidade