Alagoas, 28 de janeiro de 2022 24º min 31º máx
WhatsApp (82) 9.9982-0322
Alagoas

Profissionais da educação realizam protesto por reajuste salarial em AL

Categoria fez ato no Centro de Pesquisa Aplicada (Cepa). Com faixas, cartazes e carro de som, eles saíram em caminhada.

Do G1 AL

11/03/2014 11h11

Profissionais da educação realizam protesto por reajuste salarial em AL

Professores e monitores da rede estadual de ensino protestam, na manhã desta terça-feira (11), no Centro de Pesquisas Aplicadas (Cepa), no bairro do Farol, em Maceió. Dentre as reivindicações da classe estão reajuste salarial e uma melhor estrutura de trabalho.

A manifestação, que foi organizada pelo Sindicato dos Trabalhadores da Educação de Alagoas (Sinteal), reuniu estudantes das escolas públicas que apoiaram as reivindicações. Com faixas, cartazes e carro de som, os manifestantes, mesmo debaixo de chuva, decidiram sair em caminhada pelo Cepa.

Segundo a presidente do sinteal, Consuelo Correia, o ato é voltado para a negociação salarial. "Pedimos o reajuste de 8,32%, que é o reajuste mínimo. Além disso, o governo não dá acréscimo do percentual referente aos níveis de escolaridade", disse.

Após bloquearem a Fernandes Lima por alguns minutos, os manifestantes se concetraram na porta da Secretaria de Estado da Educação e do Esporte (SEE). Eles aguardam uma reunião com a secretária Josicleide Moura.

Comentários
Curta o EXTRA no Facebook
Confira o nosso canal no YouTube
Siga-nos no Twitter
Siga-nos no Instagram Seguir </html>
Notamos que você possui
um ad-blocker ativo!

Produzir um conteúdo de qualidade exige recursos.

A publicidade é uma fonte importante de financiamento do nosso conteúdo.

Para continuar navegando, por favor desabilite seu bloqueador de anúncios.

publicidade