Acompanhe nas redes sociais:

12 de Novembro de 2018

Blogs

Lucas Vicente INOVANDO SEU ESPAÇO
Por Lucas Vicente

22/06/2017 - 08:47:15

Otimizando o ambiente com divisórias

Foto: Divulgação

Um bom projeto de ambientação e otimização do espaço deixa qualquer ambiente de trabalho muito mais produtivo. Mesmo em uma residência, a divisão dos ambientes pode favorecer as mudanças familiares ao longo do tempo. Nem sempre os espaços existentes estão adequados para uma nova empresa que se instale em um ambiente, ou as próprias mudanças da empresa que já se utiliza do local, ou a chegada de filhos e parentes em uma casa.

Uma boa solução para a reorganização de espaços é a utilização de divisórias ao invés de paredes. Além de ocupar uma espessura menor, aproveitando mais espaço útil, são mais rápidas de executar e podem ser removidas ou realocadas futuramente sem que haja um grande dano ao piso e teto. Podendo ser de diversos materiais, as divisórias também podem ter diferentes formatos e modo de fixação, deixando assim o ambiente mais versátil.

DIVISÓRIA NAVAL

A mais popular das divisórias continua sendo muito utilizada em ambientes corporativos. Tendo como vantagens o baixo custo e a facilidade de montagem, as divisórias navais são um sistema de encaixe com perfis de aço e painéis modulares que possuem várias opções de cores e texturas. Os painéis podem ser totalmente fechados, com portas e janelas.

DIVISÓRIA EM VIDRO

As divisórias de vidro deixam o ambiente com um visual mais elegante e moderno, além de auxiliar na economia de energia, pois permite a entrada de uma grande quantidade de luz natural. Podem ser usados vidro temperados, mais resistentes, e laminados, que possuem menos resistência a impactos diretos. Apesar da transparência do vidro não trazer privacidade, é comum utilizar persianas e cortinas, além do uso de vidros jateados e com películas.

DIVISÓRIA EM DRYWALL

Também chamado de gesso acartonado, consiste em um conjunto de perfis de aço e placas de gesso.  Há 03 tipos de placas de drywall: ST (branca) indicada para ambientes secos, RU (verde) para ambientes molhados e RF (rosa) mais resistente ao fogo. No vão existente entre as placas são instaladas as redes elétricas, hidráulicas e adicionada uma lã mineral que transforma a divisória em um ótimo isolante térmico e acústico. 

DIVISÓRIA EM PVC

Apesar do visual se assemelhar a divisória naval, ainda pouco utilizada em espaços corporativos e residenciais, seu uso está mais voltado para ambientes hospitalares e de saúde, devido a sua resistência a bactérias, fungos e possuir uma vida útil ilimitada.

DIVISÓRIA EM MDF

Cada vez mais utilizadas em escritórios por possuir um visual semelhante ao da madeira natural, deixando o espaço mais bonito. Possui ótima resistência a umidade e integram facilmente a decoração do espaço.

Além dos modelos apresentados que servem como separação física total dos espaços, outras opções prontas ou sob projeto são verdadeiras obras de arte deixando os ambientes mais integrados e bonitos. E podem ser de diversos materiais.

Seja qual tipo ou material que escolher para a divisória, esteja sempre atento a necessidade para o local escolhido. É preciso ter portas? Tomadas? Será um ambiente mais formal ou informal? É preciso privacidade visual e/ou acústica? Vários fatores determinam a escolha final da divisória. E a ajuda de um profissional é sempre indicada para melhor aproveitamento do uso.

CONTATO PROFISSIONAL

Projetos residenciais, comerciais, interiores e construção

Lucas Vicente – arquiteto e urbanista

82 99608-7212 – [email protected]

www.inovaarquiteturaepvc.com

Instagram - #lucasvicente.inovaarquitetura

Comentários

Curta no Facebook

Siga no Twitter

Jornal Extra nas redes sociais:
2i9multiagencia