Acompanhe nas redes sociais:

17 de Outubro de 2017

Sururu

06/10/2017

Balcão de negócios

Cícero Almeida é o maior exemplo da salada ideológica da política brasileira

Da redação
Foto: Divulgação

A ficha política do deputado Cícero Almeida é o maior exemplo da salada ideológica em que se transformou a representação partidária brasileira. Ninguém é capaz de identificar quem é de direita, de centro ou da esquerda.

E seria até impossível haver tantas ideologias nesse balaio com mais de 30 partidos, em sua maioria siglas de aluguel, verdadeiro balcão de negócios a serviço de seus donos. 

Desde que se elegeu vereador por Maceió, em 2000, Almeida já mudou de “ideologia” nove vezes. Seu primeiro partido foi o PSL e o último o PTN, que também mudou de nome, e agora se chama Podemos. 

Ao longo de sua atribulada vida política, passou pelo PSL, PDT, PTB, PP, PEN, PRTB, PSD, PMDB e Podemos. Atualmente está sem partido à espera de quem lhe oferecer melhor negócio.

Esta semana – pela primeira vez em seu pífio mandato federal – o deputado apareceu no Bom Dia Brasil, da Rede Globo, como símbolo dessa excrescência nacional. 

Ao ser entrevistado como recordista na troca de partidos, Almeida não se fez de rogado. Confessou que sua maior preocupação é se reeleger na próxima eleição. E o povo que se dane. 

Na tentativa de justificar sua metamorfose política, o deputado-forrozeiro argumentou que “ninguém vota mais em partido; hoje só se vota nas pessoas”. Faltou dizer o preço do voto, o custo de uma reeleição e para que serve o seu mandato. 

Comentários

Curta no Facebook

Siga no Twitter

Jornal Extra nas redes sociais:
2i9multiagencia