Acompanhe nas redes sociais:

21 de Agosto de 2017

Sururu

08/08/2017

Loteamento de cargos

Renan Filho e Renan Calheiros não estão dando trégua aos adversários

Gabriel Mousinho
Foto: Divulgação

O PMDB está se preparando com força para as eleições do próximo ano. E o governador Renan Filho e o senador Renan Calheiros não estão dando trégua aos adversários. A partir de agora é formar uma aliança política ampla, para que possa usufruir de espaços generosos no Guia Eleitoral.

Além de insistir no apoio do Partido dos Trabalhadores e do PDT, de Ronaldo Lessa, os Renans acabam de seduzir o presidente do PPS, Régis Cavalcante, com o cargo de secretário de Ciência e Tecnologia, atividade que pouco deve conhecer.

Mas o objetivo do governo estadual é de jogar pesado, mesmo sem ter ainda um adversário definido. Quer definir logo as regras do jogo e atrair apoios para não ter surpresas daqui pra frente.

Se por um lado o governador Renan Filho está correto em ampliar suas bases, por outro corre o risco de não ter a produtividade que espera em algumas secretarias de Estado, por falta absoluta de intimidade dos nomeados com os cargos exercidos por alguns políticos que foram jogados pra lá somente para engrossar o apoio eleitoral.

Vai ser preciso, através do chefe do Executivo estadual, se desdobrar para cobrar mais de alguns auxiliares que chegaram de paraquedas ao governo e que sabem ter dúvidas de um trabalho produtivo em benefício da coletividade alagoana.

O varejo, como está bem demonstrado, é a tônica a partir de agora do clã dos Renans em Alagoas.

Comentários

Curta no Facebook

Siga no Twitter

Jornal Extra nas redes sociais:
2i9multiagencia