Acompanhe nas redes sociais:

17 de Outubro de 2017

Só no site :: Alagoas

11/10/2017

Otávio Cardoso conta que deu carona à universitária

Sofia Sepreny / Estagiária sob supervisão
Foto: Divulgação

Foragido desde 2012, Otávio Cardoso Neto, suspeito de ter envolvimento no desaparecimento da jovem Bárbara Regina, prestou depoimento na tarde desta quarta-feira (11), à Polícia Civil de Alagoas.

De acordo com o delegado Fábio Costa, coordenador da Delegacia de Homicídios da Capital (DHC), apesar de Otávio não ter confessado o crime existem indícios suficientes para provar o envolvimento do suspeito. Entre eles, a divergência nas declarações. 

O delegado afirmou ainda que se trata de um sujeito frio e inteligente. Otávio relatou ter acompanhado todos os desfechos e investigações através da imprensa durante o tempo que esteve foragido, o que indica que ele pode ter estudado sua defesa. 

O suspeito alegou ainda que só saiu com a vítima da boate pois ao ir embora, Bárbara pediu uma carona. O depoimento foi prestado na sede da Delegacia Geral da PC, no bairro de Jacarecica.

O delegado foi enfático ao dizer que Otávio não soube explicar diversas perguntas, entrando em contradição, e que as versões apresentadas serão apuradas com maior profundidade.

Comentários

Curta no Facebook

Siga no Twitter

Jornal Extra nas redes sociais:
2i9multiagencia